Compartilhe essa notícia

28 de julho de 2010

Fiéis reclamam de comunhão dada a cachorro em igreja

Ato profano ocorreu na Igreja Anglicana de St Peter
.
.
.
Uma reverenda canadense pediu desculpas por haver dado a comunhão a um cachorro.

Marguerite Rea, da Igreja Anglicana de St Peter, em Toronto, recebeu reclamações de cristãos em todo o Canadá após ter dado a hóstia a um cachorro da raça pastor alemã chamado Trapper.
O bispo da região, Patrick Yu, disse que a reverenda tinha desrespeitado as normas da igreja com sua ação "estranha e chocante".

Rea disse que tinha simplesmente feito um gesto acolhedor para um novo membro da congregação e seu bicho de estimação.

"Se magoei, ofendi ou causei constrangimento a alguém, peço desculpas", ela disse aos fiéis no domingo pela manhã - segundo o jornal Toronto Star.

Polêmica canina

A polêmica começou em junho, quando Trapper, de quatro anos, e seu dono, o motorista de caminhão, Donald Keith, de 56 anos, foi pela primeira vez à missa de Rea, na área central de Toronto.

"A pastora me deu as boas-vindas e disse que eu fosse até o altar receber a comunhão, Trapper veio junto e a reverenda também deu a comunhão a ele", afirmou Keith.

Apesar de, segundo Keith, ninguém ter reclamado na hora, uma testemunha do fato entrou com uma reclamação na Diocese Anglicana de Toronto e, desde a missa, deixou a igreja.

Quando a notícia se espalhou, a Igreja Anglicana de St Peter começou a receber emails de cristãos revoltados, de todo o país.

"A comunhão é um símbolo do sacrifício do corpo de Jesus: ele morreu por todos nós. Mas não me lembro de nada nas escrituras a respeito de Jesus morrendo pela salvação de nossos bichos de estimação", afirmou Cheryl Chang, diretora da Rede Anglicana, no Canada, de acordo com o jornal National Post.

"Posso compreender a razão de as pessoas estarem ofendidas", disse o bispo Patrick Yu.

"Nunca ouvi falar disso antes. Acho que a reverenda foi tomada pelo que considero um gesto mal orientado de boas-vindas", acrescentou. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POLÍTICA DE MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...